Escrita

Escrita banner

 


Um homem de 38 anos, suspeito por um triplo homicídio, foi encontrado morto na tarde de quarta-feira (8) com um tiro na cabeça em uma área de mata na Zona Rural da cidade de Jardim de Angicos. A informação foi confirmada pela Polícia Militar.

As vítimas do crime, que aconteceu no mesmo dia, são a cunhada, o sobrinho e a filha do sobrinho, uma criança de 1 ano e 10 meses.

Equipes de policiais militares realizaram diligências por mais de seis horas em busca do suspeito em uma área de mata de difícil acesso na Zona Rural da cidade. Por volta das 15h15, o homem foi encontrado morto embaixo de uma árvore com uma marca de tiro na cabeça. A suspeita da corporação é que ele tenha se matado.

O crime

Um homem de 38 anos matou a cunhada, o sobrinho e a filha do sobrinho, de 1 ano e 10 meses, na manhã de quarta-feira (8). O caso aconteceu por volta das 8h no distrito Sítio Fazenda Nova. Ele fugiu logo após o crime.

As vítimas foram identificadas como:

  • Maria Betânia da Silva Lopes, 48 anos
  • Ruhan Christian da Silva Lopes, idade não informada
  • Esther Rebeca Ferreira Lopes, 1 ano e 10 meses

"Pelo que ouvimos por aqui, seria uma briga de família por herança. Ele não se dava bem com o irmão e é uma pessoa violenta", disse o sargento José Francisco Lima, comandante do destacamento da Polícia Militar no município, que foi ao local do crime.

A Polícia Militar acionou o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) para realização da perícia do local de crime e recolhimento dos corpos.

Leia mais: TRAGÉDIA: Mãe, filho e neta de 1 ano são mortos em Jardim de Angicos, região Central do RN

G1/RN


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA