As rodovias federais no Rio Grande do Norte registraram mais de três acidentes por dia neste ano. A informação consta no balanço do Observatório de Dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que teve início das atividades na quarta-feira (29).

O número é analisado desde o início de 2022 até o final do mês de maio. Segundo os índices, já aconteceram 476 acidentes durante o período, com 817 veículos envolvidos.

Ainda conforme o balanço, cerca de 1.045 pessoas foram vítimas desses acidentes, sendo 520 feridos. Deste número, 75% dos envolvidos sofreram ferimentos leves. Ao todo, pouco mais de 3% não resistiram às lesões.

A BR-101 é quem lidera o índice, com 194 acidentes. Porém, apesar da alta quantidade, a 101 não é a rodovia mais letal. A BR-304 é quem ocupa esse posto, com 11 óbitos, três a mais que a BR-101. Ao todo, sete rodovias federais cruzam o estado potiguar, são elas: BR-101, BR-304, BR-406, BR-226, BR-405, BR-110 e BR-427.

Sábado foi apontado como o dia da semana com maior número de casos registrados, com 76. A parte do dia em que os acidentes acontecem com maior “rotina”, sendo 56% das circunstâncias envolvendo veículos acontecidas durante o período.





 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem