Banner

OCULUM 600 120

 

Pré-candidato a prefeito de Mossoró pelo PSDB, o presidente da Câmara Municipal Lawrence Amorim excluiu de sua rede social Instagram o vídeo que havia publicado no dia 12 de outubro de 2022 de ataque aos governos do PT.

Na longa mensagem, de três minutos e cinco segundos, ele também pediu votos para o então candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL).

Leia mais: PT nacional homologa apoio a Lawrence, que coordenou campanha de Bolsonaro

O vídeo estava disponível na rede social de Lawrence até a manhã da terça-feira passada (18) e foi excluído 615 dias depois.

No discurso, Lawrence disse que “nos governos do PT os municípios viviam com pires na mão” e que votaria em Bolsonaro porque “acredito que ele vai estar mandando recursos para Mossoró, para o RN e melhorando a vida do nosso povo”.

Lawrence elencou uma série de ações que atribuiu a Bolsonaro em Mossoró, até mesmo recursos para o Anel Viário, obra que o PT local atribui em partes ao presidente Lula (PT).

Nome do PT

No sábado passado, O PT de Mossoró retirou a candidatura própria e declarou apoio a Lawrence numa reunião tensa do partido.

Nomes importantes, como o da secretária do partido, líder estudantil e pré-candidata à vereança Ana Flávia Lira, protestaram contra a decisão da maioria da sigla, lembrando o apoio de Lawrence a Bolsonaro.

No início da semana, o PT nacional homologou a decisão da executiva municipal de apoio a Lawrence.

Blog Saulo Vale


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA