GOVERNO

640x128

As chuvas no mês de abril de 2024 superaram a média esperada em todas as regiões do Rio Grande do Norte. Os acumulados observados ultrapassaram em 17,7%, representando 194 mm de volume acumulado, enquanto que o esperado era de 164,8 mm. Este é o resultado da análise do Sistema de Monitoramento da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) que mostra ainda o Agreste Potiguar com volumes 36,6% acima da média como o mais chuvoso no período, seguido do Leste Potiguar com 25,7%.

“A atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCTI) foi o principal sistema de meteorologia causador das chuvas no período, associado ao aquecimento do oceano Atlântico- com temperaturas entre 1ºC e 2°C acima da média- aumentando a umidade que avançou para o território e favoreceu a formação de nuvens de chuvas”, explicou o chefe da unidade de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot.

Os municípios mais chuvosos no período foram Campo Redondo (Agreste Potiguar)- 332,6 mm e Martins (Oeste Potiguar)- 345,5 mm. No Leste Potiguar os mais chuvosos foram Nísia Floresta- 255,2 mm e São Miguel do Gostoso- 241,8mm. Em Natal, capital potiguar, choveu 284,8mm.

Balanço de janeiro a abril 2024

De janeiro a abril de 2024, choveu no RN 643,8 mm. O acumulado supera em 34,7% o volume esperado para o período, que era 477,8mm. A região com maior acumulado foi o Oeste Potiguar com 709,7 no período, seguido das regiões Central Potiguar com 658,1mm, Leste Potiguar com 650mm e Agreste Potiguar com 557,2mm.

Previsão de maio

A previsão para o mês de maio é de continuidade de chuvas em todo território potiguar. O volume mínimo esperado para o estado é de 108,7 mm; Leste Potiguar- 171,1 mm, Oeste Potiguar- 101,4 mm, Agreste Potiguar- 91 mm e Central Potiguar- 71,5 mm. “A tendência é de continuidade de chuvas no território potiguar”, comentou Bristot.

Chuvas no mês de abril de 2024

RN- 194mm

Agreste-181,6mm

Leste- 246,1 mm

Oeste- 194mm

Central- 154,2mm


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO