GOVERNO

640x128

 


O Governo do Rio Grande do Norte garantiu para esta quinta-feira (4) o início da construção do desvio no trecho da BR 304, afetado pelas chuvas do último fim de semana no município de Lajes. O entendimento se deu durante reunião com a governadora Fátima Bezerra e o ministro dos Transportes do Brasil, Renan Filho, em Brasília, no final da tarde de quarta-feira (3). A Secretaria Estadual de Infraestrutura anunciou o início dos serviços na RN-041 também para esta quinta-feira.

“Estou aqui em Brasília com o ministro Renan Filho tratando especialmente das providências relacionadas à reconstrução da ponte na BR-304, bem como da ação mais imediata, que é exatamente a construção do desvio”, explica a governadora sobre a chegada do maquinário a Lajes.

“Em 15 dias estaremos com o desvio pronto. E vou ao Rio Grande do Norte junto com a governadora para inaugurá-lo. Nos próximos 15 dias, quero me preparar aqui para já anunciar o cronograma da construção emergencial da ponte, para que possamos restabelecer a BR-304 o mais rápido possível, de uma vez por todas, para o povo potiguar”, diz o ministro Renan Filho, enfatizando a importância da interlocução com o governo federal através da atuação conjunta entre governadores e ministros.

Enquanto os serviços da construção do desvio acontecem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIN), o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil e a Polícia Militar orientam rotas alternativas a serem usadas pela população.

Atualmente são duas rotas alternativas para acesso a Natal ou de quem sai da capital com destino às regiões central e oeste do RN. Uma pela BR-406 (Natal-Macau) e RN-118 (Ipanguaçu); a outra pela BR-226 (Triunfo Potiguar-Currais Novos).

RN 041

No caso da RN-041, que dá acesso a Santana do Matos e região da Serra de Santana, a Secretaria de Infraestrutura está ultimando os trâmites para contratação emergencial dos serviços de recuperação de forma a garantir o início dos serviços também nesta quinta-feira (4).

“Junto ao Departamento de Estradas e Rodagens, fizemos um levantamento e monitoramento para verificar os custos acerca do rompimento ocorrido na RN-041 em razão das fortes chuvas que vem ocorrendo em todo o estado”, explica Gustavo Coelho, secretário estadual da Infraestrutura. “A coleta de custos foi para a contratação dos serviços emergenciais que já iniciam nesta quinta-feira”, finaliza.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO