GOVERNO

640x128

 

O diretor de Operação e Manutenção da Caern, Thiago Índio do Brasil, esteve na quinta-feira (11) na Câmara Municipal de Mossoró, informando as ações que a Companhia está realizando na cidade.

A segurança hídrica de Mossoró ocorrerá com a adutora Apodi/Mossoró que está com obras em andamento, além dos poços previstos para a cidade. O abastecimento do Bairro Nova Betânia já está em funcionamento, o poço do Rincão está em fase de perfuração e o poço da Estrada da Alagoinha está em licitação.

A adutora Apodi/Mossoró vai injetar mais de 1,4 milhão de litros de água por hora na segunda maior cidade do Estado. O objetivo é que acabe com a dependência dos poços profundos que hoje são responsáveis por 70% do abastecimento de toda a cidade. Estão sendo investidos cerca de R$ 200 milhões na obra que também garantirá abastecimento para a cidade de Governador Dix-sept Rosado.

POÇOS NOVA BETÂNIA E RINCÃO

Em 22 de março, a Caern passou a operar em Mossoró o novo poço 6. Ele reforça o abastecimento do Nova Betânia, parte do conjunto Bela Vista e contribui com toda a região Oeste de Mossoró.

Já no Bairro Rincão, está sendo perfurado um novo poço profundo, nas proximidades do conjunto Alto das Brisas. O equipamento denominado P-33 vai atender diretamente o Rincão, Pintos e também reforçará toda a região Leste da cidade. A previsão é que o poço entre em operação em junho deste ano. Nos dois poços, o 6 e o 33, o total de investimentos é de R$ 20 milhões, tanto com o serviço de perfuração, como com os equipamentos.

A Caern também está trabalhando na licitação de um novo poço que será perfurado na Estrada da Alagoinha. Ele vai beneficiar os bairros Abolições e Santa Delmira, além de garantir o reforço no envio de água para as áreas adjacentes.

A audiência foi proposta pelo vereador Francisco Carlos. Além dos vereadores, contou com representantes da Uern, Ufersa, OAB, Sinduscon, Prefeitura de Mossoró e Agência Reguladora dos Serviços Públicos de Mossoró.

TCM Notícia


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO