Banner

Print

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PCRN) cumpriu mandado de prisão pelo crime de estelionato contra um homem que fingiu ser prefeito de Aracaju com o objetivo de aplicar golpes em empresários. A ação foi realizada na última terça-feira (19), em Natal, por meio de uma ação integrada com a Polícia Civil de Sergipe. A informação foi divulgada pela PCRN na sexta-feira (22).

A investigação foi iniciada no Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) de Sergipe, por meio da Delegacia Especial de Repressão à Crimes Cibernéticos (DRCC), quando foram registradas, inicialmente, duas notícias de crimes praticados supostamente pela mesma pessoa e utilizando-se de semelhante modus operandi. A partir daí, houve trocas de informações com a Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), da Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

O Delegado André Baronto, da PCSE, esclarece que as investigações apontam que o suspeito também se passava por prefeito de outros municípios de Sergipe e de outros estados. “A partir daí, quando identificados que ele residia no Rio Grande do Norte, nós entramos em contato com a Deicor/RN e começamos a trocar informações. Nisso, acabamos representando pela prisão preventiva da busca e apreensão”, complementa.

Segundo ele, ainda, o estelionato consistia no contato do indivíduo com empresários, oportunidade em que ele se passava por assessor dos prefeitos e depois como prefeito, com o objetivo de pedir apoio financeiro no transporte de pessoas e vacinas. O delegado Joacir Rocha, da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR/PCRN), afirma que o investigado agora segue à disposição do Sistema Prisional.

Tribuna do Norte 


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA