Independência

BANNER BLOG 2024 0001

 

Policiais civis da 42ª Delegacia de Areia Branca foram na sexta-feira, 29 de dezembro, até a cidade de Itambé no estado de Pernambuco, com objetivo de recambiar, Cinthya Nartinelly Costa de Oliveira de 27 anos.

Ela é investigada em um crime de latrocínio (roubo com consequência de morte), ocorrido no dia 22 de novembro deste ano em Serra do Mel/RN e que teve como vítima, Antônio Lisboa de Lima, o “Pula-Pula”.

Após o crime, Cinthya fugiu para o estado de Pernambuco, sendo presa pela Polícia Civil daquele estado por força de mandado judicial. Após receber autorização da justiça, os policiais civis de Areia Branca, foram até Itambé e realizaram a escolta da investigada para a Penitenciária Feminina Mário Negócio em Mossoró.

De acordo com o delegado Rafael Laboissiere de Melo, que comandou a escolta, a justiça converteu o mandado de prisão temporária em prisão preventiva. Cinthya Nartinelly nega que tenha matado “Pula-Pula”, mas o delegado afirma que tem elementos suficientes que provam a participação dela no crime.

Ainda segundo o delegado, outras três pessoas serão indiciadas pelo crime de latrocínio. Elas não tiveram seus nomes divulgados ainda porque o inquérito não foi concluído e para não atrapalhar as investigações.

Relembre o caso: Corpo de homem desaparecido em Serra do Mel é encontrado

Fim da Linha


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Oculum