Independência

BANNER BLOG 2024 0001

 

Uma mulher de 34 anos confessou ter cortado o pênis do marido, de 39, e jogado o órgão em uma privada, na madrugada de sexta-feira 22, na cidade de Atibaia, no interior de São Paulo. Ela se entregou à polícia na sequência.

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher relatou à polícia que, no dia do aniversário dela, descobriu uma traição do marido com uma sobrinha dela de 15 anos de idade.

Em depoimento, ela disse que simulou que teria uma relação sexual com o marido, amarrou as mãos dele usando uma calcinha e, quando ele estava com pênis ereto, cortou o órgão usando uma navalha. Em seguida, a mulher tirou uma foto do pênis e, depois, o jogou dentro da privada. Ela deu descarga com a intenção de que o órgão genital não fosse reimplantado.

Ainda segundo o B.O., o homem saiu à procura de socorro, enquanto a mulher encontrou com o irmão e foi à delegacia de plantão de Atibaia, onde confessou o crime.

O irmão da mulher disse à polícia que, por morar perto, ouviu os gritos do cunhado pedindo ajuda e que o homem foi à UPA a pé para buscar atendimento. Segundo informações do portal g1, de madrugada, a vítima foi transferida para o Hospital Universitário São Francisco. O estado de saúde ele não foi informado.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio na delegacia de Atibaia. Por ter se apresentado espontaneamente à polícia, a mulher vai responder pelo crime em liberdade.

Com informações do portal Metrópoles


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Oculum