Escrita

Escrita banner

 

Mossoró receberá neste mês de novembro o projeto “Roda-Hans: Carreta da Saúde – Hanseníase” que ofertará atendimentos médicos à população. Entre os dias 21 e 24, manhã e tarde, pessoas com sinais ou sintomas de hanseníase que desejam passar pela avaliação de um especialista podem comparecer à “Carreta da Saúde” que ficará na Estação das Artes Elizeu Ventania.

Um dos objetivos da iniciativa é diagnóstico da hanseníase, encaminhando o paciente para o tratamento, buscando a cura. A ideia visa à promoção de saúde pública em diferentes lugares e contextos sociais e epidemiológicos da doença.

Um dos diferenciais do projeto é a presença da carreta em pontos estratégicos dos municípios, atraindo à população e facilitando o acesso aos serviços de saúde. “É importante chamar a população para que compareça à Estação das Artes, local onde ficará a carreta, do dia 21 ao dia 24. Quem tem mancha, placa, aquela placa que parece impingem, mas não coça. Além disso, quem tem mancha e a ela é mais clara do que a pele e quem tem os sinais e sintomas de hanseníase pode procurar a carreta. A demanda é livre”, destacou Mércia Cristina, responsável técnica pela Hanseníase no município.

No dia 20 deste mês, durante manhã e tarde, médicos e enfermeiros do município de Mossoró passarão por capacitação do projeto. O encontro será realizado no auditório do Centro Administrativo da Cidadania Prefeito Alcides Belo, no bairro Aeroporto.

O projeto “Roda-Hans: Carreta da Saúde – Hanseníase” é desenvolvido numa parceria entre Ministério da Saúde, Instituto Novartis Biociências S.A., Estados, Municípios e a Sociedade Brasileira de Dermatologia.

HANSENÍASE - É uma doença infecciosa, contagiosa, de evolução crônica, causada pela bactéria Mycobacterium leprae. A hanseníase atinge principalmente a pele, as mucosas e os nervos periféricos (braços e pernas), com capacidade de ocasionar lesões neurais, podendo acarretar danos irreversíveis, inclusive exclusão social, caso o diagnóstico seja tardio ou o tratamento inadequado.

SINAIS E SINTOMAS:

- Manchas (brancas, avermelhadas, acastanhadas ou amarronzadas) e/ou área (s) da pele com alteração da sensibilidade térmica (ao calor e frio) e/ou dolorosa (à dor) e/ou tátil (ao tato);

- Comprometimento do (s) nervo (s) periférico (s) – geralmente espessamento (engrossamento) –, associado a alterações sensitivas e/ou motoras e/ou autonômicas;

- Áreas com diminuição dos pelos e do suor;

- Sensação de formigamento e/ou fisgadas, principalmente em mãos e pés;

- Diminuição ou ausência da sensibilidade e/ou da força muscular na face, e/ou nas mãos e/ou nos pés;

- Caroços (nódulos) no corpo, em alguns casos avermelhados e dolorosos.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA