Cacim

Print

 


Na terça-feira (31), a diretoria da Caern esteve na Promotoria de Defesa do Consumidor do Ministério Público Estadual – Comarca de Mossoró, para apresentar medidas para a melhoria do abastecimento de água em Mossoró. 

O Diretor-Presidente da Caern, Roberto Linhares em apresentação para a Promotora de Defesa do Consumidor, Ana Ximenes explicou as especificidades do Sistema de Abastecimento de Água (SAA) da cidade. Mossoró possui poços profundos com água em alta temperatura o que exige equipamentos próprios. Também esclareceu que a cidade não possui, em mananciais próprios, água suficiente para abastecimento, sendo necessário outras intervenções para garantir a segurança hídrica do município. 

A Adutora Apodi-Mossoró foi informada como a principal medida para garantir a segurança hídrica da cidade, antes dela a Caern iniciará em breve a perfuração dos dois poços.

O Diretor de Operação e Manutenção, Thiago Índio destacou ações operacionais que já estão sendo implantadas, destacando o aumento de vazão na Adutora Jerônimo Rosado e interligação de rede. Além disso, apresentou um cronograma de ações. 

Dentre as ações apresentadas, está a contratação emergencial de uma empresa para um conserto do P11, a estimativa é que a manutenção dele seja concluída até o primeiro semestre de 2024. A Caern está realizando também um combate às ligações clandestinas na adutora.

A Promotora Ana Ximenes destacou que haverá uma gestão orientada junto à população. “Informaremos à população sobre os canais de atendimento da Companhia, visando o acompanhamento e monitoramento pela empresa, para que adote medidas corretivas sempre que necessário. O Ministério Público estará atento e disponível para atendimento do cidadão”, disse. 

A reunião contou com representantes da Caern e do Ministério Público.  


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA