Mais um caso de violência contra animais foi registrado em Mossoró/RN nesta semana. O Jornalismo TCM teve acesso na sexta-feira (8) ao laudo médico de cachorro socorrido pelos estudantes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), que comprova que os ferimentos do animal foram provocados por arma de fogo.

“Acabamos de receber o primeiro laudo e tudo indica que ele foi vítima de disparo porque foram encontrados vários vestígios de chumbo no rosto dele, uma crueldade”, destaca a estudante de direito Bruna Barbalho que ajudou no resgate do animal.

Segundo a estudante o cachorro foi visto há uma semana doente pelos corredores da universidade. “Os alunos e professores se mobilizaram para ajudar o cachorro que estava todo ensanguentado se arrastando em frente a faculdade de Direito e a princípio pensávamos que ele tinha sido atropelado”, conta.

A suspeita é que o cachorro tenha sido baleado dentro da instituição, pois pelo estado de saúde ele não teria condições de ir muito longe e na UERN vivem vários animais, entre eles cães e gatos.

De acordo com o laudo médico o estado de saúde do cachorro é muito delicado, precisará de medicamentos e deve passar por cirurgia. Para custear os procedimentos e remédios os estudantes estão recebendo doações que podem ser feitas para a chave PIX: brunabarbalho@alu.uern.br com o nome referência Depósito Principal. “Qualquer valor é de suma importância”, frisa.

Radiografia: Os pontos brancos indicam vestígios de pólvora

TCM Notícias




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem