Vítima: Ricardo Luiz dos Santos de 57 anos.

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) deram cumprimento, na quarta-feira 29 de junho de 2022, a um mandado de prisão expedido pela justiça, contra João Paulo  Borges da Silva, investigado pelo latrocínio que vitimou o sub-tenente aposentado da Marinha, Ricardo Luiz dos Santos de 57 anos.

O suboficial foi morto com quatro tiros durante um assalto ocorrido na madrugada do último domingo (26) no Bairro Bela Vista em Mossoró. Segundo a investigação cerca de quatro homens participaram da ação criminosa.

De acordo com o delegado da DHPP, DPC Rafael Arraes, após juntar provas cabais da participação de João Paulo no latrocínio, foi solicitado a sua prisão preventiva e a justiça de imediato expediu o mandado.

João Paulo foi preso em casa no Abolição III e na casa dele foram encontrados televisores, de procedência duvidosa. O mesmo foi conduzido à Delegacia de Furtos e Roubos onde foi autuado em flagrante por crime de receptação.

Após a lavratura do auto de prisão em flagrante,  ele foi conduzido ao ITEP e em seguida levado para o sistema prisional,  onde ficará  à disposição  da Justiça.

Fim da Linha



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem