Foto: Assessoria PFRN.

A Força-Tarefa de Segurança Pública de Mossoró/RN, coordenada pela Polícia Federal, e composta por policiais federais, rodoviários federais e policiais estaduais realizou na manhã desta sexta-feira (10), um mandado de busca e apreensão em uma casa no bairro Alto da Conceição, para coletar provas para subsidiar a investigação em curso na Delegacia de Polícia Federal de Mossoró. A ação policial foi batizada como Operação Molly.

A investigação teve origem a partir da identificação de objeto postal detectado pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Levando em conta a natureza do volume transportado, cães farejadores entraram em ação e confirmaram a suspeita da PF. A perícia criminal constatou que os objetos transportados eram 397 comprimidos contendo a substância MDA (Tenanfetamina). A droga sintética, uma variante do psicotrópico MDMA, possui o nome alternativo de “Molly” por ser um acrônimo do produto químico utilizado em sua composição.

A droga seria entregue em um escritório para uma jovem de 24 anos. Na operação foram apreendidos aparelhos telefônicos e uma caixa com resquícios de drogas.

TCM Notícias


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem