Vanderlândia Lima Queiroz, de 27 anos de idade, encontrada morta em uma estrada de barro, próximo ao Motel Havana no Planalto 13 de Maio em Mossoró, no dia 27 de abril passado, foi morta pelo ex-marido,  Diego Rodrigues Marques de 31 anos de idade. A confirmação foi dada na segunda-feira (09) pelo delegado da DHPP, Rafael Arraes.

De acordo com a autoridade policial, o casal estava separado e o acusado não aceitava o fim do relacionamento e planejou matar sua ex. Ele teria pego uma moto emprestada e foi à casa da vítima, lhe oferecer uma carona. Ela aceitou, porque precisava resolver um problema comercial no Centro da cidade, mas o criminoso mudou o trajeto, levando a vítima para a estrada carroçável e a matou com dois tiros, um no rosto e outro no tórax.

Leia mais: Mulher de 27 anos é assassinada a tiros no Planalto 13 de Maio

A motocicleta usada no crime foi abandonada em um estado fora do Rio Grande do Norte. Esse foi o primeiro crime de feminicídio registrado em Mossoró no ano de 2022. Com a conclusão do inquérito o delegado Rafael Arraes encaminhou o procedimento à justiça, com pedido de prisão preventiva do suspeito que se encontra em local desconhecido.

A Polícia Civil pede ajuda para localizar o criminoso. Qualquer informação pode ser repassada para o disk-denuncia da Polícia Civil através do 181.

Fim da Linha



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem