Douglas Santiago Barbosa Fernandes Pimenta, preso no final de semana, suspeito de estuprar uma jovem em um apartamento de Hotel na Avenida Presidente Dutra, no Centro de Mossoró/RN, teve a prisão preventiva decretada pela justiça na segunda-feira (30). De acordo com informações da polícia, o preso teria conhecido a vítima através da internet e mantinha um relacionamento virtual com a jovem.

No final de semana os dois se encontraram, foram a uma pizzaria e no retorno, o suspeito teria convidado a vitima para passar no apartamento do hotel, onde ele iria pegar algumas coisas. Ainda de acordo com a polícia, ao entrar no apartamento a jovem foi estuprada. O suspeito chaveou a porta e sob forte ameaça, para que a moça não gritasse, cometeu o ato sexual involuntário, mesmo estando a vítima em período menstrual.

Após o ato criminoso, a jovem foi à Delegacia de Plantão registrar o Boletim de Ocorrência. A Polícia Militar foi acionada e conseguiu prender o suspeito, que ainda estava no apartamento. Douglas foi conduzido à delegacia e autuado em flagrante por crime de estupro (forçar alguém a praticar atos sexuais constitui crime definido no artigo 213 do Código Penal. O estupro consiste na imposição da prática sexual por ameaça ou violência, e tem como pena prisão de 6 a 10 anos).

Ao tomar conhecimento do fato, através de comunicado feito pelo delegado Valtair Camilo, o Ministério Público solicitou ao juiz de plantão, a decretação da prisão preventiva de Douglas Santiago Barbosa Pimenta. A justiça acatou o pedido do MPRN e decretou a prisão. O suspeito permanece custodiado na Cadeia Pública de Mossoró e ficará preso preventivamente até uma segunda decisão do judiciário. O delegado Valtair Camilo, informou que o flagranteado já respondia por outro estupro.

TCM Notícia


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem