A Voltalia, empresa produtora de energia renovável e prestadora de serviços, anunciou dias passados, que as usinas Solar Serra do Mel 1 (SSM 1) e Solar Serra do Mel 2 (SSM 2), na região Oeste do Rio Grande do Norte, começaram a produzir os primeiros megawatts. Juntas, elas somam 320 MW de capacidade instalada e geram energia suficiente para abastecer mais de 400 mil residências. As plantas fazem parte do Cluster Serra Branca, maior complexo eólico e solar da Voltalia no mundo, que possui capacidade total de 2,4 GW e conta com diversos parques eólicos em operação e centenas de megawatts em desenvolvimento.

Aproximadamente 540 mil painéis fotovoltaicos foram instalados no cluster, ocupando uma área de 578 hectares. A previsão é de que a operação atinja 100% da capacidade ainda no primeiro semestre de 2022. O projeto SSM 1&2 possui contratos privados de venda de energia de longo prazo firmados.  Serra Branca é um cluster híbrido e está localizado entre os municípios de Areia Branca e Serra do Mel, região conhecida por concentrar ótimas condições eólicas e solares no estado do Rio Grande do Norte O objetivo da Voltalia na região é maximizar a produção de energia com a sinergia das duas fontes, visando desenvolver projetos mais competitivos no mercado.

A energia limpa produzida pelo complexo solar é responsável pela redução da emissão de quase 126 mil toneladas de CO2 por ano. Assim, a Voltalia contribui com o papel fundamental que a energia renovável desempenha no combate às alterações climáticas e no melhor acesso à energia, aproveitando ao máximo e de forma sustentável os recursos do planeta.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem