O Botafogo apresentou oficialmente na manhã desta terça-feira os jogadores Lucas Fernandes e Gustavo Sauer, brasileiros contratados junto ao futebol português. Em entrevista coletiva no estádio Nilton Santos, os jogadores já se colocaram à disposição do técnico Luís Castro para estrear.

"A gente vinha treinando e jogando. Estamos em um final de temporada na Europa. Estamos aí. Se o mister quiser contar com a gente, estamos prontos", afirmou Gustavo.

Os dois fazem parte do pacote de doze reforços da "Era Textor" no Botafogo. Ambos treinaram pela primeira vez neste segunda-feira e já estão regularizados. Dependem somente da decisão do técnico para entrar em campo contra o Ceilândia, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil.

Lucas Fernandes é meia e chegou por empréstimo junto ao Portimonense. Já o atacante Gustavo Sauer veio, em definitivo, após uma ótima temporada pelo Boavista, de Portugal.

Em comum, ambos os jogadores ressaltaram a possibilidade de trabalhar com Luís Castro, de quem trouxeram boas referências do futebol português.

"A gente pegou referências, nunca trabalhamos juntos. Todos os amigos disseram que é um fenômeno, muito forte na parte tática, quer um time agressivo, intenso. Estamos acostumados com isso em Portugal. É uma vantagem que o Botafogo tem" disse Gustavo.

"O Castro é um treinador que cobra agressividade e intensidade. Gosta de ter bola, de ter o controle. A gente pode ajudar por estar acostumado com a cultura portuguesa. Ele vai ajudar a nossa equipe, tem um grande trabalho pela frente", completou Lucas.

Ligação de Lucas Fernandes com Mossoró

O jovem Lucas Fernandes, mas novo contratado do Botafogo, é filho do ex-jogador mossoroense Iluilton, que morou por muitos anos no bairro Paredões, onde residem até hoje seus familiares.

O pai de Lucas atuou no futebol amador de Mossoró nos anos 80 vestindo as camisas nos Calouros do Ar e do Potiguar, onde era meio-campista, Posteriormente foi tentar carreira nos campos do sul.

O editor deste blog, inclusive, chegou a estudar com Iluilton no colégio Abel Coelho.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem