Do Blog do Barreto

Em entrevista ao Foro de Moscow o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) atacou o ponto fraco do ministro do desenvolvimento regional Rogério Marinho (PL), seu principal adversário na disputa pelo Senado.

O pdetista lembrou da reforma trabalhista e dos danos que ela causou aos trabalhadores e disse que ter disputado o Governo do RN contra Fátima Bezerra (PT) em 2018 não prejudicou a população. “As minhas divergências com Fátima não fizeram mal a nenhum norte-rio-grandense, mas a reforma trabalhista de Rogério Marinho fez muito mal ao povo do RN e ao povo brasileiro”, disparou.

Ele ainda lembrou os pontos que considera mais cruéis da reforma de Rogério. “O relator Rogério Marinho fez com que as mulheres em período de lactação fossem submetidas a trabalhar em ambientes insalubres. Isso é uma perversidade e vai para a discussão”, disse. “Se o trabalhador perder a causa é obrigado a pagar as custas do advogado do patrão se perder”, complementou.

Confira o trecho da entrevista




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem