GOVERNO

640x128

Do Agora RN

“Nosso propósito é mostrar que há alternativas, há projetos interessantes a serem avaliados pela população, visões e objetivos diferentes. Caberá a população escolher o que quer para a cidade, de agora em diante”, afirmou o pré-candidato a prefeito de Mossoró e presidente da Câmara Municipal, vereador Lawrence Amorim (PSDB), ao falar sobre seus planos e projetos de governo para a Prefeitura da Capital do Oeste, com exclusividade ao Portal Agora RN na terça-feira 14. Para ele, é importante oferecer à população alternativas e projetos que possam ser avaliados democraticamente.

“Não acredito que apenas uma pessoa seja capaz de administrar a cidade, nem que um único projeto seja possível. Nosso propósito é dar à população opções de escolha. Não apenas de nomes, mas de projetos. Nossa pretensão é construir um programa de governo ouvindo as pessoas, conversando de forma respeitosa com quem queira contribuir. É claro que temos que criar o nosso diferencial, principalmente com credibilidade e confiança das pessoas”, explicou.

Ao abordar sua estratégia de campanha, Lawrence enfatizou a importância de construir um programa de governo que reflita as necessidades reais da cidade, sem ataques à atual gestão. “Dessa forma, vamos ter os pés no chão, não será uma disputa de redes sociais, de lacração na Internet ou de youtubers. Mas um debate sério sobre a cidade, sobre o futuro e sobre o que é importante para Mossoró, que é crescer mais e dar mais dignidade aos seus cidadãos”.

Candidato a deputado federal mais votado da história de Mossoró (dos 57.598 votos obtidos em 2022, 33.303 foram no município), Lawrence está no segundo biênio como presidente da Câmara e foi prefeito de Almino Afonso por dois mandatos. Essa é a experiência que pretende “usar” na campanha. “Nosso propósito não é sair atacando a gestão, desqualificando tudo e criticando a torto e a direito, dizendo que só nós sabemos fazer o certo. É mostrar que é possível construir coletivamente, sem vaidade, pensando juntos, ouvindo as pessoas, conhecendo as experiências”.

Questionado pelo Agora RN sobre suas propostas e projetos de governo para Mossoró, caso seja eleito, Lawrence destacou a criação de um novo polo econômico a partir do turismo religioso, com foco na festa de Santa Luzia, maior festa religiosa do Rio Grande do Norte. O pré-candidato ainda enfatizou a importância de oferecer serviços de qualidade aos mais necessitados, como educação e saúde.

“Tenho lutado muito para o projeto e a construção de um espaço dedicado a Santa Luzia, a santa padroeira da cidade. Precisamos pensar estrategicamente sobre como desenvolvermos todo o potencial que essa festa tem. Também defendo sempre que quem precisa dos serviços da Prefeitura são sempre os mais pobres, os mais necessitados. E devemos ofertar a essas pessoas serviços de qualidade, escolas boas, saúde de qualidade, enfim, proporcionar o respeito aos mais desprovidos que esperam do poder público melhores condições”.

Lawrence avalia gestão Allyson

Sobre o governo do prefeito Allyson Bezerra (União Brasil), com quem rompeu a parceria política recentemente, Lawrence Amorim adotou uma postura de respeito e avaliação ponderada. “O prefeito Allyson tem recebido uma avaliação positiva, sabemos disso, mas não é mérito de uma só pessoa, é resultado da ação de muitos. Inclusive da Câmara Municipal, que aprovou todas as condições para o prefeito administrar a cidade”, disse.

O pré-candidato destacou que a campanha eleitoral é um momento de avaliação, mas que não pretende adotar uma postura agressiva, ao estilo “metralhadora na mão, atirando para todo lado, desconhecendo as qualidades”. Para ele, “fazer uma disputa de alto nível entre visões de gestores, de responsabilidade, de respeito aos outros e de construção coletiva” é respeitar o cidadão mossoroense e a história do município.

“Vamos levantar um debate sobre a cidade e seu potencial, o compromisso com a cidade, a garantia de assumir e ficar os quatro anos e não sair para nenhum outro projeto, abandonando a cidade. Vamos pedir a população que avalie o que estamos propondo e veja nossa história. Não se trata de uma guerra entre pessoas, será uma disputa de alto nível entre visões de gestores, de responsabilidade, de respeito aos outros e de construção coletiva”, enfatizou.

Em uma live realizada na noite de segunda-feira 13, em suas redes sociais, Lawrence Amorim revelou ter tentado manter a parceria política com Allyson Bezerra, mas este não aceitou acordo. “Não tinha intenção de rompimento, mas fomos chutados para fora, chutados por uma nota, por agressões”, disse, destacando que outros políticos de Mossoró devem deixar a base do prefeito nas próximas semanas. “Não sou o primeiro, nem o último a sair. Existe uma extensa relação, basta pesquisar. Se alguém cresceu um pouco, pode esperar que vai sair. Agora ou mais tarde, mas vai sair”, avisou.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO