Governo

640x128

 

Os servidores que trabalham na zona rural de Mossoró realizam nesta quarta-feira (03) uma Parada de Advertência cobrando da Prefeitura a atualização do auxílio-deslocamento, congelado há nove anos.

Na última atualização do auxílio-deslocamento, há nove anos, o valor médio pago foi de R$ 13,00 (treze reais) ao “valor equivalente ao múltiplo da distância média, em quilômetros, da sede do Município à localidade rural”. 

"Atualmente, por exemplo, profissionais que atuam na Maísa recebem R$ 572,00 durante o mês para se deslocarem aos seus locais de trabalho, mas gastam R$ 750,00. Ou seja, estão pagando para trabalhar", afirma o Sindiserpum.

A Prefeitura de Mossoró ainda não se manifestou sobre a paralisação e a demanda dos servidores.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Cacim