Independência

Independencia banner
Foto: João Filho/Baraúnas

O ABC ingressou, na tarde de segunda-feira (1º), com uma notícia de infração contra o Baraúnas no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RN). A denúncia do Alvinegro é quanto a escalação do volante Ramon, do time mossoroense, na goleada de 4 a 0 contra o Globo, na última quinta-feira (28). O entendimento do setor jurídico do ABC é que o atleta estaria suspenso e não poderia participar da partida. Caso seja confirmada a infração, o Baraúnas pode perder seis pontos na classificação do segundo turno.

A denúncia se baseia no artigo 41 do regulamento do Campeonato Potiguar 2024, sobre cartões amarelos. O texto diz que as advertências serão zeradas ao fim da fase de grupos de cada turno do Estadual. O volante Ramon foi advertido com cartão amarelo na semifinal do primeiro turno (América), e nos dois primeiros jogos do segundo turno (América e Potyguar Seridoense, respectivamente). Com isso, ele teria que cumprir suspensão no jogo seguinte, contra o Globo.

No entanto, o atleta saiu no time titular e participou da goleada do Leão do Oeste contra a Águia de Ceará-Mirim. Com o complemento da 3ª rodada, o Baraúnas abriu vantagem de cinco pontos para o ABC com apenas um jogo ainda em disputa. O Potiguar lidera o Grupo B com 9 pontos, seguido do rival mossoroense com 7, enquanto ABC tem 2 e Força e Luz tem 1.

A reviravolta na classificação pode ocorrer justamente pela evenvual punição. Pelo artigo 214 Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), uma equipe que utilizar de forma irregular um atleta para uma partida pode sofrer punição da perda dos pontos conquistados na partida, além de mais três pontos.

Com isso, o Baraúnas perderia seis pontos e ficaria apenas com 1. O ABC jogaria a última partida da fase de grupos dependendo só de si para conseguir a classificação contra o Globo. O Baraúnas recebe o Santa Cruz de Natal, enquanto o Força e Luz joga fora de casa contra o Potyguar Seridoense.

Tribuna do Norte



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Governo