GOVERNO

640x128

 


O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), realiza o monitoramento dos principais reservatórios responsáveis pelo abastecimento e atendimento às diversas necessidades de uso dos municípios potiguares. O Relatório dos Volumes dos Principais Reservatórios do RN, divulgado na quinta-feira (04), indica que a barragem Santa Cruz do Apodi acumula 421.728.050 m³, percentualmente, 70,32% da sua capacidade, total, que é de 599.712.000 m³. Este é o maior volume acumulado no manancial desde 2012.

As reservas hídricas superficiais totais acumulam 2.829.514.156 m³, equivalentes a  63,36% da capacidade total de acumulação do RN, que é de 4.466.041.044 m³.

A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório do RN, acumula 1.601.638.742 m³, correspondentes a 67,49% da sua capacidade total, que é de 2.373.066.000 m³. Este também já é o maior volume de reservas hídricas do manancial desde 2012.

Localizada em Upanema, a barragem Umari acumula 264.154.293 m³, equivalentes a 90,21% da sua capacidade total, que é de 292.813.650 m³. No ano passado, o reservatório completou 100% da sua capacidade no dia 09 de abril.

Outro manancial que está perto de completar 100% da sua capacidade é o açude Santo Antônio de Caraúbas, localizado em Caraúbas, que acumula 8.323.958 m³, percentualmente, 97,49% da sua capacidade total, que é de 8.538.108 m³. Em 2023 o açude sangrou no dia 11 de abril.

O açude Marechal Dutra, popularmente conhecido como Gargalheiras, com capacidade para 44.421.480 m³, começou a sangrar nesta quarta-feira (03) se somando a outros 11 reservatórios monitorados pelo Igarn, com mais de cinco milhões de m³, que já atingiram o volume de 100% da sua capacidade nesta quadra chuvosa: Mendubim, em Assu; Campo Grande, em São Paulo do Potengi; Pataxó, em Ipanguaçu; Dourado, em Currais Novos; Riacho da Cruz II, em Riacho da Cruz; Passagem, em Rodolfo Fernandes; Beldroega, em Paraú; Malhada Vermelha, em Severiano Melo; Encanto, em Encanto; Santa Cruz do Trairi, em Santa Cruz.

Além destes, o açude Dinamarca, em Serra Negra do Norte, com capacidade para 2.724.425 m³ e o açude Novo Angicos, localizado em Angicos, que possui capacidade para 4.245.061 m³, também permanecem sangrando.



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO