Banner

Print

 

A 10ª Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) concluiu na segunda-feira (25) o inquérito policial que trata do assassinato de John Lennon Gomes Morais, de 28 anos, ocorrido na sexta (22).

A vítima foi morta em via pública com cerca de quatro tiros de pistola calibre 380, na Rua Pastor Otoniel Marques Guedes, próxima a antiga base Bic no Bairro Santo Antônio, em Mossoró.

Relembre o caso: Foragido da justiça cearense é morto a tiros em via pública no Bairro Santo Antônio

De acordo com a delegada Cristiane Magalhães, o inquérito será remetido à Justiça, nesta terça-feira (26), no entanto terá pedido de arquivamento pelo Ministério Público. É que o acusado do crime, Francisco Wellington Arruda Barbosa, o “Rabicó”, faleceu horas após o homicídio em decorrência de três paradas cardíacas, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Santo Antônio. Ele teria surtado e foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) à unidade de saúde.

Jonh Lenon tinha condenação de 7 anos de reclusão por crime de roubo e estava com mandado de prisão na comarca de Reriutaba no Estado do Ceará. Segundo a delegada, a vítima e acusado eram amigos e haviam passado dois dias usando drogas em uma residência próxima ao local do crime.

TCM Notícia


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA