Governo

640x128

 

A Prefeitura de Mossoró iniciou na manhã desta segunda-feira (19) a campanha de vacinação contra a dengue no município. Na fase inicial, estão sendo vacinadas crianças de 10 e 11 anos, conforme critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Mossoró é um dos 19 municípios do Rio Grande do Norte que participam desta etapa inicial da campanha nacional de imunização contra a dengue. São dez Unidades Básicas de Saúde, polos de referência, funcionando de segunda a sexta-feira, ofertando a vacina às crianças.

Conforme o Ministério da Saúde, a vacina é aplicada em duas doses, com intervalo de 3 meses entre a primeira e a segunda. É importante destacar que além das 10 unidades polos já em funcionamento, a Prefeitura de Mossoró também ofertará vacinação para a população da zona rural, mediante as demandas apresentadas pelas equipes de saúde das comunidades.

“As unidades da zona rural fazem o levantamento prévio das crianças na faixa etária de 10 a 11 anos. Mediante esse quantitativo, o município disponibiliza essas doses para serem aplicadas na zona rural. É importante que os pais ou responsáveis levem as crianças para serem vacinadas o quanto antes. São necessárias duas doses para garantir a resposta imune. Ao tomar uma dose, a criança tem um intervalo de três meses para receber a segunda dose”, explicou Etevaldo de Lima, coordenador de Imunizações do município.

Os pais e responsáveis pelas crianças devem ficar atentos às recomendações das autoridades de saúde quanto à vacinação, como, por exemplo, apresentar documento que comprove residência no município de Mossoró.

O funcionamento das unidades acontece de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 17h.

Pontos de vacinação:

Centro Clínico Edgard Burlamaqui (Centro);

UBS Dr. Chico Costa (Santo Antônio); 

UBS Dr. Lucas Benjamim (Abolição III);

UBS Dr. Cid Salém (Abolição IV);

UBS Chico Porto (Ouro Negro);

UBS Raimundo Renê (Boa Vista);

UBS Dr. José Leão (Alto da Conceição);

UBS Maria Soares da Costa (Alto de São Manoel);

UBS Vereador Layhre Rosado (Alto de Sumaré);

UBS Dr. Epitácio da Costa Carvalho (Pintos).


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Cacim