Oculum

OCULUM 600 120

 

Foto ilustrativa

A 33ª Zona do Conselho Tutelar de Mossoró divulgou dados referentes às violações de direitos de crianças e adolescentes registrados ao longo de 2023. De acordo com o relatório, ao longo do ano foram confirmados 525 casos de violações contra menores de idade nas áreas cobertas pelo Conselho.

Os dados revelam ainda que entre aqueles que tiveram seus direitos violados, 225 eram crianças com idade entre 0 e 7 anos; 139 estavam na faixa etária dos 8 aos 11 e 161 eram adolescentes com idade entre 12 e 17 anos. Na diferenciação por gênero, as violações feriram os direitos de 259 meninas e 266 meninos.

De acordo com a conselheira tutelar, Josiana Leão, os números representam um aumento em relação a 2022. “Conseguimos identificar que houve um aumento muito elevado em relação a 2022, que foi de 213 casos. O que nos chamou mais atenção é a crescente em casos de violação contra crianças de 0 a 11 anos nos últimos anos”, diz Josiana.

Ainda segundo a conselheira, há uma necessidade urgente de intervenção integrada dos equipamentos da rede de proteção, instituições, conselhos tutelares e demais órgãos de Mossoró, visando a garantia dos direitos que estão sendo violados.

Dados da 34ª Zona do Conselho Tutelar de Mossoró ainda não foram divulgados.

TCM Notícia



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA