Independência

Independencia banner

 


O Rio Grande do Norte deve ter um acréscimo médio de 1ºC para o próximo verão, segundo estima a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn). Citado nos alertas de ondas de calor ainda no mês de setembro, o município de Caicó, na região do Seridó, registrou uma temperatura máxima histórica de 40,6ºC nas últimas semanas. Uma onda de calor com temperaturas de 5ºC acima da média estão impactando estados das regiões Sudeste e Centro-Oste do Brasil, segundo aponta os alertas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitidos desde 8 de novembro.

Gilmar Bistrot, chefe da unidade de metereologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn), aponta que a onda de calor no Brasil está relacionada com a facilidade dos deslocamentos de massa de ar quente e fria ocasionada pelo El Niño, que avança pelo continente e pode chegar nos estados ao Norte do país. “Aqui no Nordeste, essa época do ano é muito quente. A temperatura média no interior está em torno de 38º C, 39ºC”, diz Gilmar.

Tribuna do Norte



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

Cacim