Escrita

Escrita banner

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, divulgou um texto apontando as ações que a empresa tomou após manchas de óleo serem encontradas em praias do Rio Grande do Norte. Além de pedir análise da estrutura da estatal, Jean Paul também solicitou investigação do Idema.

Segue o texto:

SOBRE ÓLEO NAS PRAIAS

A respeito de óleo encontrado nas praias, de origem ainda não identificada, como parte do dever de diligência que nos cabe, ontem mesmo (sábado), tomar conhecimento das ocorrências, solicitei às nossas equipes da Petrobras as seguintes providências:

1/ Inspeção nas plataformas PAG-1,PAG-2, PAG-03, PBIQ-01 e Pescada.

Não observado nenhum indício de óleo.

PAG-01: Sem anormalidade.

PAG-02: Sem anormalidade.

PAG-03: Sem anormalidade.

PBIQ-01: Sem anormalidade.

Plataforma de Pescada: Sem anormalidade.

2/ Sobrevoo realizado. Nada identificado. Pelo sobrevoo, não há nada derivando de lá. Amanhã será realizado outro sobrevoo.

3/ Coleta de amostra.

AÇÕES PLANEJADAS:

1/ Inspeção no duto de 26″ de Pescada. Prazo: 25/09.

2/ Encaminhar amostra do óleo para o CENPES para análise. Prazo: 25/09.

3/ Elaborar relatório das ações tomadas pela Petrobras. Prazo: 25/09.

4/ Também faremos contato com o IDEMA nesta 2a feira pela manhã para oferecer apoio de sobrevoo e limpeza de praia.

Jean-Paul Prates

Presidente da PETROBRAS


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA