Escrita

Escrita banner

 


O gerente de banco Adiel Cardoso Schafascheck, de 38 anos, foi encontrado morto e sem roupas em um terreno no bairro Capim Macio, em Natal, capital do Rio Grande do Norte.

Segundo a Polícia Civil, a vítima teria conhecido duas mulheres em um bar e acabou sendo vítima do chamado golpe “boa noite, Cinderela’ (É o nome dado a um golpe no qual alguém, geralmente simpático e de boa aparência, coloca um coquetel de drogas como o ácido gama-hidroxibutírico, juntamente à bebida de outra pessoa).

A suspeita da polícia é de que o gerente tenha passado mal após ser dopado. O crime ocorreu na última sexta-feira (22). A vítima era natural de Papanduva, no norte de Santa Catarina, morava em João Pessoa e estava em Natal/RN a trabalho.

A Polícia Civil prendeu uma mulher de 28 anos suspeita de praticar o crime. A delegada à frente do caso, Taís Aires, explicou que a mulher confessou ter dopado Adiel para roubá-lo. “Após ter ingerido bastante bebida alcoólica, duas mulheres se aproximaram se aproveitando desse momento de fragilidade, com o intuito de aplicar o golpe velho e conhecido ‘boa noite, Cinderela'”, disse a delegada.

A delegada disse ainda que o cartão de crédito da vítima chegou a ser usado pelas mulheres na sexta-feira após abandonarem o corpo dele. Elas também teriam roubado dinheiro e o celular do gerente. Os investigadores buscam agora localizarem a segunda mulher que estaria envolvida no crime.

Fim da Linha


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA