GOVERNO

640x128

 

O Portal TCM Notícia acompanhou, na noite de terça-feira (30), um ensaio geral da edição 2023 do espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró e pode confirmar, a montagem está repleta de inovações.

Nos bastidores, antes do ensaio, os membros da equipe vão se preparando, cada um com suas individualidades. Uns concentrados passando o texto, outros já entrando nos personagens, até o diretor Leonardo Wagner, pedir a atenção de todos e anunciar que provavelmente será o último ensaio dos artistas no palco do Teatro Dix-Huit Rosado. Finaliza sua fala pedindo energia ao elenco.

Diretor geral Leonardo Wagner.

“É a 21ª edição do Chuva de Bala, muitas novidades. Trilha sonora original, figurinos novos, mudanças nos cenários. Um musical regionalizado, alegre, colorido e um espetáculo do tamanho da cidade de Mossoró”, revela o diretor.

O Chuva de Bala conta com o trabalho de atores, atrizes, técnicos, bailarinos e bailarinas mossoroenses, que já possuem experiências em outras edições, como a Luiza Gurgel. A sua personagem faz parte de núcleo das romeiras, que aparecem logo após a batalha da invasão do bando. “Faço o Chuva desde 2012, na maioria dos anos estive dançando e agora, estarei atuando. Nós (eu e as outras cinco meninas) chegamos ao palco, pra passar uma mensagem de paz e esperança. É um prazer muito grande vivenciar o teatro, disse Luiza.

A produção também possui artistas que vão atuar pela primeira vez, como é o caso do Diogo Rocha. “Participei em 2019 na banda e surgiu a oportunidade e surpresa de receber o personagem de Jaime Guedes, o gerente do banco que tem um papel importante na história. Um diferencial que destaco na montagem de 2023, são as músicas inéditas, vai ter solo e muito musical, conta Diogo.

Núcleo do prefeito Rodolfo Fernandes.

“Grande alegria e responsabilidade, saber que posso contar com artistas que já estiveram em outras edições e artistas que estão chegando pra somar ao evento. Vamos entregar muita interpretação e magia, completa Leonardo.

Com o ensaio geral finalizado, muitas palmas, vibrações e logo em seguida, o momento da direção geral se reunir com todos os envolvidos para as observações. A equipe do Portal TCM Notícia sai de cena, com a constatação de toda aquela energia solicitada pelo diretor.

Núcleo de Lampião e os cangaceiros.

São mais de 150 profissionais, Plínio Sá na assistência de produção, Roberta Schumara à frente da coreografia, Renilson Fonseca como o Prefeito Rodolfo Fernandes, Everton Santos como Lampião e texto adaptado do original escrito por Antônio Gurgel.

O espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró, conta a história de resistência dos mossoroenses ao bando de Lampião, em 13 de junho de 1927. A primeira apresentação acontecerá no dia 7 de junho, às 21h, no adro da Igreja de São Vicente, ao lado do Palácio da Resistência, cenário real do histórico episódio ocorrido na cidade. As apresentações vão acontecer até o dia 23 de junho.

TCM Notícia



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

INDEPENDÊNCIA

GOVERNO