Em maio, o comércio potiguar interrompeu uma sequência de três meses em altas e registrou baixa na movimentação. O volume de vendas reduziu em 2,3% no Rio Grande do Norte, na contramão do setor nacional. Esse foi o segundo mês no ano em que a taxa obtida pelo Estado ficou no campo negativo. Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O RN ficou entre os estados com as baixas mais acentuadas no País, superado apenas por Rondônia (-2,8%). Também registraram queda no mês de maio: Ceará (-1,5%), Acre (-1,6%), Mato Grosso (-1,9%) e Tocantins (-2,1%). No Nordeste, Alagoas (2,1%), Bahia (1,6%), Pernambuco (1,6%) e Sergipe (1,3%) foram os que tiveram desempenhos mais altos e superaram a média nacional.

No comparativo com o mesmo mês do ano anterior, o Rio Grande do Norte teve um aumento de 0,6%. Contudo, a variação acumulada em 12 meses foi negativa em 2,4%. Apesar da baixa, o Estado obteve um pequeno incremento na receita de vendas de 0,5% e permanece pelo quarto mês seguido apresentando números positivos nesse índice.

Tribuna do Norte


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem