O ex-presidente Lula (PT) disse na quinta-feira (16) em Natal (RN) que vai colocar o "pobre no orçamento" e o "rico no imposto de renda".

"Nós vamos colocar outra vez o pobre no Orçamento e o rico no imposto de renda para que a gente possa ter dinheiro suficiente para a gente arrecadar e resolver o problema nesse país", disse o ex-presidente, candidato à Presidência da República nas eleições de outubro, sem detalhar as propostas.

Lula esteve em evento com o candidato a vice Geraldo Alckmin (PSB) e com a governadora do Rio Grande do Norte Fátima Bezerra (PT).

Ele criticou o presidente Jair Bolsonaro por, segundo ele, piorar as condições de vida no país --citou o aumento do combustível e o fato de pessoas estarem cozinhando com lenha por não ter dinheiro para comprar botijão de gás.

"O gás de cozinha deve ser um elemento da cesta básica. O povo pobre não pode pagar R$ 150 num botijão. E quando não pode pagar, também não pode cozinhar com querosene e lenha. Esse país tem muita riqueza e não precisa disso", afirmou.

G1/RN



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem