Levantamento da Coordenadoria de Imunizações da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), utilizando dados do RN Mais Vacina, apontou que no Dia D de Mobilização Nacional das campanhas contra a Influenza e Sarampo foram aplicadas quase 4 mil doses, incluindo doses do imunizante na campanha de vacinação contra a Covid-19.

O Dia D foi realizado no último sábado (30) em 14 pontos de vacinação, sendo 13 deles em Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e no Partage Shopping Mossoró. Foram aplicadas 2.055 doses na campanha contra a Influenza, 574 contra o Sarampo, além de 1.177 doses do imunizante contra o novo coronavírus, totalizando 3.806.

Os grupos prioritários para a vacinação da Influenza são: pessoas acima de 60 anos; trabalhadores da saúde; gestantes; puérperas; povos indígenas; professores; pessoas com comorbidades; com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo; rodoviário; passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; Forças Armadas; funcionários do sistema de privação de liberdade; população privada de liberdade; adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

Já os grupos prioritários para a vacinação contra o sarampo são trabalhadores da Saúde e crianças na faixa etária de 6 meses a 5 anos. Na vacinação contra a Covid-19 são pessoas acima de 5 anos. São aplicadas primeira, segunda, terceira e quarta doses na campanha de vacinação contra a Covid-19.

Etevaldo Lima, coordenador de Imunizações da Secretaria de Saúde de Mossoró, frisa que a campanha nacional seguirá até o próximo dia 3 de junho e quem não compareceu no Dia D de vacinação dos grupos prioritários poderá de deslocar a alguma unidade de saúde para se imunizar ou vacinar crianças contra as doenças.

“A população pode sim estar buscando as unidades de saúde para se vacinar até o início de junho. A importância de ter um Dia D de vacinação é porque há uma mobilização da equipe exclusivamente só para a vacinação. Quem pôde comparecer hoje é importante, mas aquele que não teve condições de vir durante a semana até o dia 3 de junho segue a campanha nacional de vacinação”, concluiu.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem