Um veleiro à deriva foi resgatado no sábado (7) pela Marinha do Brasil a cerca de 26 quilômetros da costa de Natal. Dentro da embarcação, a Marinha confirmou que havia um corpo.

O cadáver segue sem identificação oficial até a manhã desta segunda-feira (9), no Instituto Técnico Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep), em Natal.

Segundo o órgão, o corpo é de um homem e, junto com ele, foi encontrada uma documentação marítima, bem como outros documentos - todos em italiano. Um dos papeis seria um pedido de asilo, de acordo com as análises iniciais.

Ainda de acordo com o Itep, não foi possível colher as digitais, porque o corpo estava em avançado estado de decomposição.

Os peritos vão coletar amostras de DNA, no entanto são necessárias outras amostras - de um possível familiar, por exemplo - para comparação e identificação.

A embarcação foi identificada como o Veleiro Mona-Mi F. S., segundo o relato de ocorrência recebido pelo órgão.

Com informações do G1/RN


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem