Três unidades de Restaurantes Populares tiveram suas atividades suspensas após uma fiscalização de rotina da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS), onde foram identificadas irregularidades no armazenamento dos alimentos.

Segundo informações repassadas pela SETHAS, a Superintendência de Vigilância em Saúde do Governo do Estado (Suvisa) e a vigilância sanitária do município de Mossoró (RN) constataram razões precárias no acondicionamento de alimentos na unidade produtora das empresas Ponta Distribuidora de Alimentos Ltda e Nave Comércio e Serviços de Alimentos Eirelle, responsáveis pelo fornecimento de refeições para as unidades dos Restaurantes Populares do Alto de São Manoel, Santo Antônio e o da UERN em Mossoró, além de uma unidade do município de Baraúna (RN).

Os RPs ficarão com o funcionamento suspenso até que a Secretaria encontre uma solução para o problema. A SETHAS estuda a possibilidade de uma contratação emergencial de empresa para fornecimento de refeições nas unidades afetadas.

TCM Notícias



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem