O Ministério de Defesa da Rússia anunciou na 4ª feira (2.mar.2022) que 498 soldados russos foram mortos na guerra contra a Ucrânia. O número é significativamente menor do que o alegado pelo Ministério da Defesa da Ucrânia, que fala em 5.840 soldados russos mortos.

“Infelizmente, há baixas entre nossos camaradas participando na operação militar especial”, disse o ministério russo. “498 soldados russos foram mortos durante o desempenho de seu dever militar. E 1.597 de nossos camaradas foram feridos.”

Segundo o governo russo, as informações sobre “perdas incalculáveis” são campanhas de “desinformação”. Afirma ainda que as forças armadas da Rússia continuarão a cumprir suas missões na operação.

“[As forças armadas russas] eliminam a ameaça real contra a Rússia que emanava até recentemente do território da Ucrânia. Do território onde, contrário à vontade do povo ucraniano, bases da Otan, armas nucleares e seus dispositivos de entrega deveriam aparecer em um futuro próximo.”

A presença de armas nucleares em países da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) foi criticada na 3ª feira (1º.mar) pelo governo russo. Como mostrou o Poder360, a França e o Reino Unido possuem 290 e 225 ogivas nucleares, respectivamente.

Além das armas nucleares de cada país, segundo os cientistas nucleares, as nações que fazem parte da Otan e não possuem arsenal próprio permitem que ogivas nucleares dos EUA fiquem em seu país. São 100 bombas gravitacionais nucleares norte-americanas implantadas na Itália, Alemanha, Turquia, Bélgica e Holanda.

A Rússia e os Estados Unidos têm, juntos, 89,7% das armas nucleares do mundo. No total, os 2 países concentram 11.527 ogivas nucleares, sendo 5.977 do governo russo e 5.550 do governo norte-americano, até fevereiro de 2022.

Na 2ª feira (1º.mar), as Forças Armadas da Rússia realizaram exercícios com submarinos nucleares e mísseis intercontinentais, posicionados no Mar de Barents e na Sibéria. Já a Ucrânia pediu mais armas “agora” para os Estados Unidos.

Poder 360




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem