A Prefeitura Municipal de Mossoró concede aos professores da rede municipal de ensino reajuste salarial de 33,67%, o maior da história do município. O percentual firmado inclui, além dos 33,25%, superior ao piso nacional referente ao ano de 2022, a diferença de 0,42%, que deixou de ser concedida no piso de 2019 pela então gestão municipal.

O Projeto de Lei que trata do reajuste dos professores municipais já foi aprovado na Câmara Municipal de Mossoró.

A título exemplificativo, um professor doutor com carga horária de 40 horas semanais e que acumula todos os quinquênios, com o reajuste dado pela Prefeitura de Mossoró, receberá no final da carreira R$ 21.803,26, podendo ainda, caso queira, ter outro vínculo profissional. 

Dessa forma, os profissionais da rede municipal de ensino terão vencimentos superiores ao de professores da rede estadual de ensino, bem como os das universidades públicas de Mossoró, a exemplo da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). Na Uern, com a mesma realidade aplicada, os professores doutores têm vencimento de R$ 19.562,81 e ainda é exigido dedicação exclusiva para exercício da profissão, ou seja, estão impedidos de ter outra profissão.

Com o projeto aprovado pela Câmara de Vereadores na quarta-feira, dia 30, o mesmo será sancionado pelo prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra.



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem