Banner 1

Repórter Lívia Laranjeira explica que "Ureia" é por causa de "orelhas um pouco avantajadas" do atleta e lembra na transmissão que também sofria bullying na infância por este motivo


A Copa São Paulo de Futebol Júnior sempre tem histórias de nomes curiosos dos jogadores e, nesta quarta-feira, chamou atenção o potiguar Ureia, do Assu. Na derrota para o Palmeiras, quando o meia substituiu DW no segundo tempo, a explicação da repórter Lívia Laranjeira durante a transmissão do sportv fez o narrador Henrique Guidi cair na risada.


Ureia entrou no segundo tempo da derrota para o Palmeiras — Foto: Reprodução


Lívia contou que o apelido "Ureia" (leia-se Urêia) vem das "orelhas um pouco avantajadas" do atleta, e se "solidarizou" com o jogador do Assu.

- Nisso eu tenho lugar de fala, Henrique Guidi. Porque eu, na infância, tive o apelido de Dumbo, bullying dos coleguinhas da escola. Então, eu me solidarizo com o grande Ureia - falou Lívia.

O comentarista Sérgio Xavier Filho, então, avisou no ar que o narrador Henrique Guidi estava "chorando de rir".

- Você não falou isso. Eu já não tinha absolutamente nenhuma maturidade para narrar o Ureia. Ai, meu Deus do céu... A Copinha é maravilhosa - falou Henrique.

O vídeo com a explicação de Lívia logo se espalhou pelas redes sociais. A própria repórter publicou fotos de quando era criança para justificar "o lugar de fala". 


*Globo Esporte

Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem