Banner 1

 

A TV Câmara Mossoró se prepara para salto de qualidade e economia: estrutura mais adequada, com redução de custo. Para essa evolução, a emissora funcionará em novo endereço (Rua Rui Barbosa, Centro), com mais comodidade, estúdios prontos e equipados.

A mudança dará mais qualidade à TV, que hoje funciona em espaço limitado e precário, na sede da Câmara. Também lhe propiciará mais autonomia, com maquinário e equipe próprios. Embora no ar há seis anos, a emissora funcionava com equipamento e pessoal terceirizados.

Segundo o presidente da Câmara, Lawrence Amorim, a TV Câmara é administrada atualmente por um valor mensal de aproximadamente R$ 41 mil mensais. “A ideia da nova gestão é o seu funcionamento em local mais adequado e com 50% dessa despesa”, informa.

Outra novidade é administração da TV Câmara pela própria Fundação Aldenor Nogueira, mantenedora do canal, sem contratação de empresa para terceirizar o serviço. O atual contrato de terceirização da emissora terminou neste domingo (13).

A mudança ocorrerá até o final do mês. “Todo o processo é pautado pela legalidade e transparência, com o devido lastro contábil e jurídico”, assegura Lawrence, para quem a TV Câmara é instrumento de comunicação pública em favor da população.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem