Banner 1

 


A Polícia Federal realizou nas primeiras horas da manhã de quarta-feira (10/11) a extradição para os Estados Unidos da América, do mexicano José Gonzales Valência, de 46 anos, que estava preso, por determinação do STF, no Presídio Federal de Mossoró, desde 2017.

O embarque aconteceu no aeroporto internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, em avião da Drug Enforcement Administration (DEA), a agência norte-americana de combate ao narcotráfico internacional.

Os agentes penitenciários federais, com apoio da Polícia Rodoviária Federal, preparam uma operação especial, com apoio da Divisão de Inteligência, para retirar o preso do Presídio Federal de Mossoró e conduzi-lo até o Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, onde foi entregue a PF.

Gonzales, que possui dupla nacionalidade, mexicana e norte-americana, havia sido preso pela Polícia Federal através da sua representação da Interpol no Ceará, no ano de 2017, em cumprimento de um mandado de prisão preventiva expedido pelo STF.

O preso é acusado de comandar o cartel de Jalisco Nueva Geración, organização ligada ao narcotráfico no México, com forte atuação também nos EUE e até então aguardava o trâmite do seu processo custodiado na Penitenciária Federal de Mossoró.

No Brasil, o estrangeiro também respondia a uma ação penal na Justiça, já que entrou em território nacional usando um passaporte boliviano falso. Em terras potiguares, o trabalho dos agentes da Polícia Federal Penal, PRF e PF foi concluído sem intercorrência.

Mossoró Hoje



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem