Banner 1

 

Iniciada no dia 1º de outubro, a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente 2021 foi prorrogada pelo Ministério da Saúde.

Inicialmente, a campanha seguiria até 29 de outubro, mas agora vai até 30 de novembro.

No Rio Grande do Norte, as salas de vacinação devem continuar oferecendo as vacinas preconizadas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) para o público até os 15 anos.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, até dia 23 de outubro, 71.892 doses de 13 diferentes vacinas foram aplicadas em 30,4 mil crianças e adolescentes no estado.

A vacina mais aplicada no período foi a Meningocócica C, com um total de 12.357 doses.

O público-alvo são crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade não vacinados ou com esquemas vacinais incompletos.

De acordo com a Sesap, a campanha não conta com uma meta numérica específica, porque o objetivo é atualizar a caderneta das crianças e, com isso, diminuir a incidência de doenças imunopreveníveis, como a poliomielite, meningite e hepatites.

Para as crianças menores de 1 ano de idade, as vacinas são: BCG, Rotavírus, Hepatite A, Hepatite B, Meningo C, Pentavalente, Pneumocócica, Poliomielite e Tríplice Viral.

Entre janeiro e agosto, o Rio Grande do Norte não cumpriu nenhuma das metas de cobertura das vacinas que são aplicadas em crianças com até um ano de idade. A meta estipulada pelo Ministério da Saúde é vacinar pelo menos 95% das crianças nessa faixa etária.

A orientação é que os pais levem os filhos, junto com a carteira vacinal, aos postos de saúde, para atualizar as doses que estejam em atraso.

G1/RN


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem