Banner 1

 

O crime com características de execução aconteceu por volta das 15h11 de quinta-feira, 30 de setembro de 2021, na Rua Lucas Evangelista de Morais, nas proximidades do Motel Desejos, no Bairro Bela Vista em Mossoró. O preso de justiça monitorado por tornozeleira eletrônica identificado como Jorge Rodson da Silva Fernandes,  30 anos de idade, foi morto com cerca de 15 tiros de pistola.

Segundo a PM, que isolou o local para preservar a área do crime, o tornozelado estava com o veículo que conduzia parado em frente a uma casa, quando um Corsa branco se aproximou e os ocupantes começara a atirar. Depois de ser baleado, o apenado conseguiu sair do veículo e correr, mas foi perseguido e executado no meio da rua.

Duas mulheres que estavam no carro da vítima conseguiram fugir a tempo e não foram atingidas pelos disparos. O veículo do preso de justiça ficou literalmente perfurado de balas. Ao menos 40 cápsulas de pistola calibre 380 ficaram espalhadas pelo chão e foram recolhidas pela perícia criminal.

Jorge Rodson da Silva Fernandes respondia na justiça por crimes de roubo (artigo 157), furto (artigo 155) e tráfico de drogas (artigo 33) e segundo a polícia, o mesmo pertencia a uma facção criminosa. Imagens de câmeras de monitoramento recolhidas pela Polícia Civil, poderão ajudar a Delegacia de Homicídios e de proteção à Pessoa (DHPP) a esclarecer o crime. A família da vítima esteve no local, onde fez o reconhecimento do corpo.

O pai dele disse a polícia que um outro filho teria sido assassinado a cerca de 40 dias no estado da Paraíba. Após a realização da perícia no local do crime, o corpo do apenado foi recolhido para ser examinado no IML do ITEP e depois será liberado para os familiares. Mossoró chega aos 121 assassinatos no ano de 2021.

Fim da Linha




Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem