Banner 1

Por: Maricelio Almeida



Foto: Wilson Moreno (Secom/PMM)


Lançado na última quinta-feira (23), o programa “Mossoró Verde”, iniciativa que tem o objetivo de melhorar as condições de arborização no município, promoveu a sua primeira ação de plantio neste domingo (26). O canteiro central da avenida Centenária, no bairro Aeroporto II, foi o espaço contemplado. No total, 200 mudas frutíferas estão sendo plantadas no local.

Um dos objetivos do “Mossoró Verde" é dotar, em até quatro anos, os canteiros centrais de Mossoró com uma vegetação nativa. “O programa tem essa finalidade, de arborizar campo e cidade. No espaço urbano nós começamos as atividades e seguiremos com um cronograma já estabelecido. Convidamos toda a população a participar das nossas ações, acompanhar esse trabalho. Partimos da premissa de que só conseguiremos êxito se mobilizarmos a população”, destaca Zildenice Guedes, gerente municipal de Educação Ambiental.



Todas as mudas plantadas na avenida Centenária, aproximadamente 200, são oriundas do Centro de Distribuição de Mudas do Horto Florestal. O planejamento do "Mossoró Verde" prevê a produção de 25 mil mudas por ano, sendo 10 mil distribuídas à população, como reforça a diretora do Horto Florestal, Ocimara Oliveira. “Nosso objetivo não é apenas plantar mudas, mas sim construir uma cultura e um novo conceito de identidade para a cidade, para que Mossoró seja conhecida como uma cidade sustentável”, relata.

Ocimara Oliveira pontua ainda que o Horto Florestal passou por um processo de reorganização para que suas atividades pudessem ser retomadas e, agora, ampliadas. “Houve um trabalho árduo de revitalização das plantas e, principalmente, de organização do espaço, o que tem permitido uma grande produção mensal de mudas para suprir a demanda do programa ‘Mossoró Verde’”.



Em grande parte das mudas plantadas na ação foi utilizada a técnica do hidrogel. Gerente executivo da Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Raniere Barbosa explica o uso da técnica. “Nós temos um problema na região do semiárido que é a evapotranspiração. Hoje aqui estamos utilizando uma técnica chamada hidrogel em algumas mudas que estão sendo plantadas. Ela tem a função de armazenar água e disponibilizá-la aos poucos, de forma que a planta vai se beneficiar e possa fazer seu enraizamento, fazendo ela crescer e se desenvolver”.

Os moradores do Aeroporto comemoraram a iniciativa do Poder Executivo em promover na região uma verdadeira transformação ambiental. “No passado, aqui tinha muito lixo. Hoje é diferente. Com o plantio das árvores, nossa rua vai ficar mais bonita”, destaca a dona de casa Margarida Amor. “Essa ação vai trazer muitas vantagens aqui para a rua, deixando o espaço mais organizado também. Gostei muito”, complementou o morador Francisco da Silva.



O secretário municipal de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, Rodrigo Lima, reforça a importância do programa. “É um programa para arborizar a nossa cidade. Vamos trabalhar com plantas frutíferas e ainda nativas para proporcionar conforto à população que também receberá mudas para realizar o plantio. Estamos dando o pontapé do ‘Mossoró Verde’ aqui na avenida Centenária, que recebe o plantio de aproximadamente 200 mudas. Aqui teremos cajueiros, mangueiras, tamarindeiras, são vários tipos de árvores frutíferas”.

O prefeito Allyson Bezerra acompanhou a ação de plantio na avenida Centenária e enfatizou as metas do programa “Mossoró Verde”. “O Município investe no meio ambiente, na preservação ambiental, na produção e distribuição de mudas. É um programa que busca a educação ambiental, arborizar a cidade, os canteiros, praças, os nossos equipamentos, como UBSs, escolas, CRASs, envolvendo toda a sociedade, como nessa ação aqui na avenida Centenária, com a população participando, recebendo a sua muda”, disse o gestor.


Equipamentos arborizados

As ações do “Mossoró Verde” serão executadas em parceria com diversas secretarias municipais, dentre elas as pastas da Educação, Saúde e Desenvolvimento Social e Juventude. Escolas, Unidades de Educação Infantil (UEIs), Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e os equipamentos sociais do município serão contemplados com a iniciativa.

“A Educação vai atuar tanto na perspectiva da conscientização, começando pelas crianças e indo até os anos finais do Ensino Fundamental, e também do plantio, cultivo de hortas nas unidades. Estaremos trabalhando na prática como se dever cuidar da parte ambiental. As crianças irão cultivar, cuidar das hortas, ao mesmo tempo em que terão a orientação sobre educação ambiental”, comenta a secretária municipal de Educação, Hubeônia Alencar.

“Teremos farmácias vivas nas Unidades Básicas de Saúde, com o cultivo de plantas que podem fornecer algum tipo de benefício à saúde, inclusive as frutíferas. A participação dos servidores que trabalham nas unidades é fundamental nesse processo, fazendo o plantio e o acompanhamento”, acrescenta Morgana Dantas, secretária municipal de Saúde.

A secretária de Desenvolvimento Social e Juventude, Janaína Holanda, também comenta a participação da pasta no “Mossoró Verde”. “É uma parceria importante, pois todos os nossos equipamentos sociais estão envolvidos nessa iniciativa, que além de embelezar nossos equipamentos, vai trazer um conforto térmico. É um programa bonito, que a gente incentiva, porque sabe da importância desse trabalho educativo, de preservação da natureza”, conclui.





Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem