Banner 1

 


A Unidade de Pronto Antendimento (UPA) do bairro Belo Horizonte concentra agora os atendimentos referentes à realização da testagem para detecção da Covid-19. Em Mossoró, a unidade já funciona atendendo os casos de pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos. 

Na unidade existem 17 leitos clínicos, 5 leitos semi-críticos das salas vermelhas e mais 9 leitos existentes na unidade móvel.

Segundo o diretor da unidade, João Andrade, os testes fazem parte da rotina da unidade e que a UPA do BH está preparada para absorver o público do ginásio, desde que as pessoas apresentem sintomas.

"A UPA do BH já funciona prestando atendimento aos pacientes que precisam ficar internados em leitos clínicos. Eles recebem toda a assistência possível e inclusive são testados. Aqueles que não precisam de internação, mas que chegam apresentando os sintomas serão testados do mesmo jeito", disse João Andrade, diretor da unidade.

Em Mossoró, os testes apresentaram queda relevante a partir do último mês de junho. Essa nova realidade favoreceu o encerramento das testagens no Ginásio Poliesportivo Engenheiro Pedro Ciarlini.

O Ginásio deverá ser adaptado e desinfectado para ser convertido em um Centro de Vacinação contra a Covid-19 e dar apoio às Unidades Básicas de Saúde (UBS's) e Ginásio do SESI.

Importância dos testes

Os testes devem ser feitos apenas naquelas pessoas que estejam apresentando sintomas. Eles são importantes porque permitem aos governos e profissionais da saúde terem uma dimensão real da propagação do vírus na sociedade, acompanhar as cadeias de transmissão da doença, detectar pacientes assintomáticos ou aqueles que em algum momento tiveram a Covid-19 e não descobriram, além de identificar a transmissão do vírus por áreas geográficas e faixas etárias, entre outros parâmetros.


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem