Banner 1

 

O prefeito de João Dias, Francisco Damião de Oliveira, conhecido por Marcelo, renunciou ao cargo no dia 23 de julho passado. Assumiu o posto a advogada Damária Jácome. Os dois são do PP.

A Câmara Municipal de João Dias recebeu o pedido de renúncia de Marcelo no dia 23 e publicou na terça-feira(27) no Diário Oficial da FECAM e também da FEMURN.

Na prática, a advogada Damária Jácome, família tradicional na região, já estava no poder desde maio passado, quando Marcelo se licenciou do cargo para tratamento de saúde.

A agora prefeita, Damária Jácome é filha de vereador Laete Jácome, também do PP, que é o atual presidente da Câmara Municipal de João Dias.

O curioso nesta história é que o vereador Laete Jácome venceu a eleição preso em Alexandria, e a filha Damária Jácome na condição de procurada pela Justiça.

O motivo da prisão de Laete e da ordem de prisão contra Damária é que os dois guardavam em casa pistolas e espingardas calibre doze, registradas.

Alegaram que estas armas eram para se defender, considerando que meses antes bandidos invadiram a cidade e fuzilaram a casa de Laete Jácome.

Passado as eleições, a advogada Damária Jácome conseguiu revogar na Justiça a ordem de prisão contra ela e também liberar o pai Laete Jácome da prisão.

A história não termina por aí. Laete Jácome têm 8 filhos, sendo que 4 destes são procurados até pela Interpol por tráfico internacional de drogas.

No dia que foi preso, Laete estava acompanhado com cinco pessoas, entre eles o condenado por tráfico internacional de drogas Carlos André Freire da Silva, de 45 anos.

Carlos André, natural do Estado da Paraíba, é casado com outra filha de Laete Jácome. Ele estava na mira da Polícia Federal e Interpol há pelo menos 7 anos.

Quanto aos quatro filhos de Laete Jácome, que são procurados pela Policia Federal por tráfico internacional de drogas, a Polícia confirma que prendeu um deles em Aracaju.

Trata-se de Samuel Jácome de Oliveira. Ele estava num hotel de luxo na Zona de Expansão de Aracaju, no Sergipe, quando foi localizado e preso.

Os outros três, Francisco Deusamor Jácome de Oliveira, de 37 anos; José Romeu Jácome de Oliveira, 34; Leidjan Jácome de Oliveira, 36, continua sendo procurados.

A chapa Marcelo/Damária venceu a eleição em 2020 com uma diferença de apenas 46 votos. Os dois terminaram empossados nos respectivos cargos eleitos.

Com a publicação no Diário Oficial, a então vice-prefeita Damária Jácome de Oliveira se torna prefeita do município em definitivo. A posse já foi dada pelo pai dela.

Mossoró Hoje



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem