Banner 1


A companhia de voos espaciais Virgin Galactic, do bilionário Richard Branson, afirmou na sexta-feira (25) que recebeu autorização da agência de segurança da aviação dos Estados Unidos para levar pessoas para o espaço.

A aprovação da FAA veio em um momento importante para Branson, uma vez que a Virgin Galactic enfrenta uma corrida contra a Blue Origin, do bilionário fundador da Amazon, Jeff Bezos, e a SpaceX, do também bilionário Elon Musk, presidente da Tesla.

Branson recebeu o sinal verde cerca de um mês depois que a Virgin Galactic completou com sucesso um voo teste. A nave da companhia tem capacidade para seis passageiros e dois pilotos.

“A aprovação de hoje pela FAA… nos dá confiança de seguirmos em frente com nosso voo totalmente completo em meados deste ano”, disse o presidente-executivo da Virgin Galactic, Michael Colglazier, em comunicado.

CNN Brasil


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem