Banner 1

 


O Rio Grande do Norte tem 81 pessoas na fila por uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para Covid-19, na manhã desta segunda-feira (24).

A média móvel de pedidos por internação chegou a 130 no estado, neste domingo (23) - número igual a 14 de maio - e o maior desde o início da pandemia.

Os dados são do sistema Regula RN - usado na administração de leitos públicos no estado. A taxa de ocupação de leitos era de 100% nas regiões Oeste e Seridó e de 96,3% na região metropolitana de Natal. A média estadual era de 97,7%.

Segundo os dados registrados pelo sistema por volta das 7h30, em todo o estado, 22 hospitais estavam com todos os seus leitos para Covid-19 ocupados.

Apenas 4 unidades ainda contavam com leitos, mas a maioria delas são vagas específicas, como as infantis e voltadas para mulheres grávidas.

Desde o início de maio, o sistema registra 62 cancelamentos de pedidos de internação por Covid-19 por óbito. Ou seja, são pessoas que morreram antes de ter acesso a uma UTI.

Das 81 pessoas na fila, 40 estavam na região Oeste e 41 na região metropolitana de Natal. Havia apenas 9 vagas disponíveis, mas todas na região metropolitana.

O estado tem 416 leitos de UTI na rede pública, sendo que 23 estão bloqueados por motivos como falta de insumos, kits de intubação, equipamentos, além de manutenção.

G1/RN


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem