Banner 1

 


O presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Norte-rio-grandense de Futebol, Ricardo Albuquerque, anunciou a suspensão do árbitro Zandick Gondim Alves Júnior após o erro cometido na final do segundo turno do Campeonato Potiguar. A decisão foi anunciada uma hora depois do jogo entre ABC e Santa Cruz de Natal, no qual o Alvinegro se sagrou campeão com o empate por 1 a 1.

Em comunicado, a FNF anuncia que o afastamento é por tempo indeterminado, e lembra que a escalação de Zandick "foi feita em comum acordo" com os dois clubes.

Zandick assinalou pênalti para o ABC em lance que David Maranhão cometeu a falta a pelo menos um metro fora da área, prejudicando o Santa Cruz. Wallyson converteu a penalidade e marcou o gol que deu o título ao Alvinegro, que tinha a vantagem do empate por ter feito a melhor campanha na primeira fase.

O presidente do Santa Cruz, Lupercio Segundo, comentou a postagem da FNF em uma rede social e pediu punição severa.

- Se a suspensão for menor que 6 meses, é só para passar pano para um absurdo desses. Espero que seja exemplar. Que ele seja punido de fato e não trabalhe mais como árbitro esse ano, no mínimo - escreveu.

- Um prejuízo de pelo menos 1 milhão de reais esse erro. A conta quem paga? - questionou.

O dirigente disse que o árbitro "não merece" a credencial CBF e que o "comum acordo era para ele trabalhar no jogo, não para roubar um dos times".

Globo Esporte


Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem