Banner 1

 


O suspeito morto em confronto com a Policia Militar durante a madrugada de sexta-feira, dia 9 de abril de 2021, era foragido da justiça de Natal-RN.

O corpo foi identificado oficialmente no Instituto Técnico-científico de Perícia, que fez os exames  e recebeu a identificação dos familiares do foragido.

Bruno Maurício da Silva, o Bruno Pirado, de 26 anos, estava morando na região do bairro Dom Jaime Câmara (Malvinas), zona leste da cidade de Mossoró.

Os policiais chegaram a casa do foragido quando estavam procurando o piloto da moto que deu fuga ao assaltante que atirou na cabeça do Cabo PM Marcolino.

O ataque ao Cabo PM  Francisco Marcolino Sobrinho ocorreu nas imediações da Clinica Odete Rosado, no bairro Planalto 13 de Maio, na quinta-feira, 8.

A Polícia Militar, na mesma noite do ataque ao Cabo Marcolino, conseguiu imagens de Câmeras de Segurança mostrando os criminosos fugindo do local do crime.

Passou a procurar suspeitos e, durante a madrugada de sexta-feira, conseguiu localizar um endereço na região das Malvinas, zona leste da cidade.

Na abordagem, os policiais foram recebidos a tiros e reagiram. Bruno Pirado foi alvejado e não resistiu aos ferimentos. O corpo foi levado para exames no ITEP.

Na sexta-feira, 9, o corpo foi oficialmente identificado no ITEP. Pirado devia estar cumprindo pena em regime aberto, usando uma tornozeleira, mas rompeu o equipamento e fugiu para se esconder em Mossoró, onde terminou reagindo a abordagem policial e sendo morto.

Mossoró Hoje



Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem