Banner 1

 


O político Levy Fidelix, 69 anos, morreu na madrugada desta 6ª feira para sábado (24.abr.2021) em São Paulo. A morte foi informada no perfil de Fidelix em redes sociais pela diretoria do PRTB, partido que presidia. A causa não foi informada.

A mensagem refere-se a Fidelix como “homem do aerotrem”, referência a um projeto de transporte público que defendia: um trem-bala que ligaria São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro.

Ao longo de sua carreira política, Fidelix candidatou-se 11 vezes a cargos eletivos, mas nunca chegou a ser eleito. Já tentou a disputa para presidente da República (2010 e 2014), governador de São Paulo (1998 e 2002), deputado federal (2006 e 2018), prefeito (2008, 2012, 2016 e 2020) e vereador da capital paulista (2004).

Levy presidiu o PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro) por 15 anos. Identificada com a direita, a sigla chegou a abrigar em suas fileiras o ex-presidente Fernando Collor, quando este tentou eleger-se prefeito de São Paulo em 2000, e atualmente conta com a filiação do general Hamilton Mourão, vice-presidente da República.

REPERCUSSÃO

O vice-presidente Hamilton Mourão lamentou a morte de Fidelix em seu perfil do Twitter. Disse que “o movimento conservador brasileiro perde um de seus principais representantes”.

Poder 360




Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem